Por que o mercado profissional de perícias judiciais é pouco conhecido embora seja atraente 2017-10-19T10:27:41+00:00

SIGA Rui Juliano na PERÍCIA JUDICIAL

Digite o seu e-mail para receber o conteúdo gratuito semanal de Rui Juliano. São e-books, infográficos, newsletter do mais experiente perito judicial.


Por que você deve se cadastrar?

Se a sua intenção é ser bem-sucedido como perito ou assistente técnico na Justiça, o conteúdo gratuito de Rui Juliano é a melhor orientação inicial.

Por que o mercado profissional de perícias judiciais é pouco conhecido embora seja atraente

Nesta newsletter, estarei mostrando o porquê do mercado de trabalho do perito judicial ser pouco ou nada conhecido. Ficará claro, como uma atividade com tantos atrativos para variados segmentos oferece oportunidades para os interessados ingressarem nela.
O ponto inicial do trabalho que venho realizando já há alguns anos, qual seja, o de mostrar o modo como o profissional pode acessar o mercado de perícia judicial e nele trabalhar, até mesmo com desenvoltura, se deu na década de 90. Naquela época, tive um interesse consistente pela Internet, então em seus primórdios. Entendia que, por estar vivendo longe da Região Sudeste, onde se assentam as maiores chances de interação entre indivíduos e negócios, a internet viria a mitigar esse contexto, proporcionando avanços no sentido de uma maior integração profissional, almejada naquele momento. Assim, a partir de meu escritório, localizado no extremo sul do país, mais próximo à fronteira com o Uruguai do que da capital do Rio Grande do Sul, teria condições de chegar não somente ao nosso trópico, mas, até mesmo, às mais remotas localidades.
Com isso, assim que chegou a internet no Brasil, tratei de acessá-la, mesmo pagando o preço de ligação interurbana. Em marcha paralela, procurava disponibilizar na rede algum produto que originasse férteis interações comerciais. Que negócio haveria de ser? Na minha mente, passaram as mais variadas coisas. Porém, certa vez, entrou no escritório, no prédio onde estou estabelecido até hoje, um amigo, que me procurava para pedir informações sobre perícias, pois havia recebido tal encargo. No encontro, procurei transmitir a ele tudo que era possível a respeito do assunto no escasso espaço de tempo em que mantivemos a conversa. Naquela oportunidade, repassei conhecimentos necessários ao caso que ele trazia, um fato difícil de ocorrer: de um perito habitualmente nomeado ensinar detalhes do ofício a um virtual concorrente, sem as esperadas evasivas.
Comece, então, você, a notar como esse mercado fica escondido.……

Para continuar lendo digite o seu e-mail abaixo: